Cavando Um Abismo

Umbral

  • Aumentar Fonte
  • Diminuir Fonte
Não sei o porquê seguir, se eu sei que vou cair
Não quero mais perseguir meus sonhos.
Não sei o porquê olhar, e tentar enxergar.
Se a dor e medo sempre me cercam.

Eu me perdi nas ilusões que eu mesmo criei,
Pra tentar sobreviver mais uma vez,
Eu tentei enxergar não podia acreditar,
Que eu poderia morrer outra vez.

Talvez eu tenha que viver essa dor por você
Talvez seja fraco demais pra entender
Pegue minhas mãos e me mostre o caminho
Me ajude a cavar o meu próprio abismo.

Senti que tudo ao meu redor, se transformou em cinzas,
Que todos os meus desejos eram mentiras.
Todas as lágrimas secaram, e o sangue derramado,
Não é o suficiente por seus pecados.

Eu me perdi nas ilusões que eu mesmo criei,
Pra tentar sobreviver mais uma vez,
Eu tentei enxergar não podia acreditar,
Que eu poderia morrer outra vez.