Unidos da Ilha do Marduque

Samba-Enredo 2009 - a Ilha Guerreira, Canta a África, Mãe de Todos Os Povos

Unidos da Ilha do Marduque
Marduque me faz feliz
Mãe África é nossa raiz
Ecoam os tambores da ilha
Uruguaiana é só alegria

Axé, mãe África, axé
Berço da humanidade
Teu ventre negro gerou
O seio alimentou
Guerreiros para a eternidade
Terra de selvagem beleza
Salve a negra nobreza
E as riquezas deste chão
O meu escudo é coragem
Na luta pela igualdade
Fiz do pranto oração

E quando o canto de dor cessar
Saudades da terra amada
Quebre as correntes vamos festejar
A liberdade tão sonhada

Um sorriso negro, um abraço negro
Vai te conquistar, com fé e paixão
E nas senzalas de hoje em dia
Zumbi está vivo em cada coração
É batuque, é dança moldando o Brasil
O nosso quilombo hoje é aqui
Herança cultural
Magia e fest, é carnaval
Oxalá ilumine nosso caminhar
Seja noite ou seja dia
O samba é nossa alforria